quinta-feira, 30 de novembro de 2017

FENASPS comunica governo sobre paralisação

A FENASPS protocolou ofício comunicando ao governo sobre a paralisação do dia 05/12/2017, aprovado no XV Congresso Nacional da categoria.

A Greve Nacional foi convocada em defesa da Previdência Púbica, do direito à aposentadoria e contra o desmonte do Seguro e da Seguridade Social.

A formalidade é exigida pela legislação. Veja o ofício aqui.

Justiça Federal suspende propaganda "combater privilégios" do governo

Justiça suspende propagando da Reforma da Previdência do governo.

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Quem tem privilégios?


O servidor público que tem descontos altíssimos no contracheque, paga previdência mesmo após aposentar-se e não tem direito a FGTS, continua sendo a bola da vez para justificar a temerosa Reforma.


E a grande parte dos nossos políticos, do alto dos seus verdadeiros privilégios, continua defendendo interesses escusos em prejuízo da população.

Temer torra 100 milhões em propaganda pró reforma da previdência.

Más a melhor propaganda é a boca a boca, e a Igreja vai distribuir santinho do deputado que votar a a favor da Reforma da Previdência!

Igreja vai distribuir santinho do deputado que votar a Previdência!

Para Reginaldo Andrietta, Reforma da Previdência ameaça a vida de milhões de brasileiros, especialmente os mais pobres. (Foto: CNBB/Divulgação)

Para o bispo de Jales (região sudeste de São Paulo, a cerca de 580 quilômetros da capital), Dom Reginaldo Andrietta, a proposta de Reforma da Previdência que o governo Temer quer ver votada ainda neste ano “reduz direitos constitucionais e ameaça a vida de milhões de brasileiros, especialmente os mais pobres”. Ele afirma que os argumentos do alegado déficit no sistema das aposentadorias são falsos e enganadores, e defende um levante popular pacífico, com a distribuição de “santinhos” contra parlamentares que votarem a favor da reforma.
“Que tal, então, levantarmo-nos em respeito às pessoas idosas de hoje e de amanhã?(…) David venceu Golias com uma simples funda. A força dos fracos está nas ações simples e contundentes”, diz o prelado em artigo publicado na semana passada no site da Diocese de Jales, cidade do interior de São Paulo.

Adeus Gadelha. Sentiremos saudades ?


Com os olhos nas eleições de 2018, contando com a falta de memória do eleitorado brasileiro e tentando fugir do desgaste eleitoral ocasionado pela reforma da Previdência, o presidente do INSS, Leonardo Gadelha, decidiu antecipar sua saída do governo pedindo exoneração do cargo, que passará a ser comandado por Francisco Paulo Soares Lopes, atualmente assessor da Presidência da Dataprev. Publicado no DOU de hoje.

Vejas as nomeações de 100 servidores (Gex/Local/Nome)

No DOU de 29/11/2017 (baixe aqui), saiu as nomeações de 100 servidores, como anunciado em 21/11/2017 porem longe de reduzir o déficit de servidores da casa, que recentemente foi objeto de ofício ao planejamento.

Situação das Comissões de Avaliação de Recursos

No dia 28/11/2017 teve início o prazo de julgamento dos recursos pelas CAR de cada gerência executiva. 


As Comissões de Análise de Recursos devem ser compostas por dois representantes dos servidores, além dos representantes indicados pelo gerente executivo.

terça-feira, 28 de novembro de 2017

UOL: Aposentadoria de quem contribui por 15 anos cai de 85% para 60% com reforma

E a população sendo levada a pensar pela propaganda do Governo nos meios de comunicação, de mais de 99 milhões de reais,  que última versão reforma da previdência a ser votada no dia 05/12 na Câmara de deputados atingirá exclusivamente os servidores, chamado de privilegiados da nação, excluindo os mais pobres e necessitados. Ledo engano, morrerá todo mundo abraçado (menos os verdadeiros privilegiados...), veja matéria do UOL na integra:

Se a proposta de
reforma da Previdência for aprovada, o trabalhador poderá se aposentar após 15 anos de contribuição ao INSS, como acontece atualmente. No entanto, receberá um valor menor do que receberia hoje. Pelas regras atuais, após 15 anos de contribuição, esse trabalhador tem direito a receber 85%* da sua aposentadoria integral. Pelas novas regras, cairia para 60%. 
As novas regras propostas estabelecem que, para se aposentar, os homens precisarão ter no mínimo 65 anos e as mulheres, 62 anos. Ambos devem ter contribuído pelo menos 15 anos com o INSS --para servidores públicos, serão pelo menos 25 anos de contribuição.

Do SABI ao caos

Em dias de iminência da votação da tenebrosa Reforma da Previdência, que pretende dificultar o acesso da população as aposentadorias e pensões, nivelar o salário de trabalhadores por baixo e aniquilar o serviço público federal, o INSS mais uma vez gera desconfiança ao realizar mudanças significativas na perícia médica do instituto (veja a  IN N° 90/2017 PRES/INSS de 17/11/2017). 

ATENÇÃO BPC EM RISCO!!! (NOTA CONJUNTA CFESS e FENASPS)


Entidades FENASPS e CFESS publicam nota conjunta, repudiando as medidas em curso de violação e restrição do acesso ao Benefício de Prestação Continuada (BPC), direito da população mais pobre.  A nota é fruto dos encaminhamentos da reunião conjunta entre FENASPS, CFESS e Comissão Nacional de Assistentes Sociais da FENASPS  (VEJA AQUI).






FONTE: CFESS e FENASPS


Entidades reúnem com Presidente da Câmara


Conforme acertado durante o ato de hoje; iniciou as 18:30 horas audiência com o presidente da Câmara dos deputados, Rodrigo Maia e
uma Comissão de Entidades - FASUBRA - CSP Conlutas - FONASEFE - ANDES - FENASPS - FONACATE - SINASEFE e os deputados Chico Alencar e  Glauber PSOL.


Recebemos um vídeo que relata objetivamente: Quem define é a RUA! E confira aqui os deputados que você deve fazer pressão!



28Nov - Dia de Luta em Brasília!



André Moura (PSC-SE), emplacou o novo presidente do INSS.

A nomeação de Francisco Paulo Soares Lopes, que será publicada nesta quarta (29), foi publicada pela folha.

Em agosto, Temer mandou exonerar indicados do líder do governo no INSS.

Sem informar CPF, Casa Civil nomeia novo DPG do INSS

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL O MINISTRO DE ESTADO CHEFE DA CASA CIVIL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA, no uso de suas atribuições e tendo em vista o disposto no art. 2o do Decreto no 8.821, de 26 de julho de 2016, resolve:
Nº 1.082 - EXONERAR ALTAMIRO PEREIRA FALEIRO JÚNIOR do cargo de Diretor de Gestão de Pessoas do Instituto Nacional do Seguro Social - INSS, código DAS 101.5.
Nº 1.083 - NOMEAR ALEXANDRE GUIMARÃES, para exercer o cargo de Diretor de Gestão de Pessoas do Instituto Nacional do Seguro Social - INSS, código DAS 101.5.
ELISEU LEMOS PADILHA

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Acabar com a Previdência e não com a Corrupção? Veja nova campanha!


Veja o Relatório da CPI da Previdência, entenda que ela não é necessária! Lute por uma Previdência Social pública, justa e solidária!
Precisamos de uma auditoria não uma reforma!

CARTA ABERTA À, POPULAÇÃO: A VERDADE SOBRE A PREVIDÊNCIA

A chamada “nova proposta” ou proposta “enxuta” da REFORMA DA PREVIDÊNCIA é cruel para o conjunto da classe trabalhadora! Se aprovada, quem já contribui, seja para o Regime Geral (celetistas/contribuintes individuais), seja para o Regime Próprio dos servidores públicos, terá muita dificuldade de se aposentar!

O governo Temer governa sem o povo e contra o povo, massacra os trabalhadores e usa de estratégias divisionistas para avançar contra os direitos sociais, com a cumplicidade bem remunerada de Deputados e Senadores. E estes que não esqueçam! ”QUEM VOTA CONTRA O POVO, NÃO VOLTA!

Greve Geral dia 5 - Compareça à assembleia do seu sindicato e participe!

Em 02/12/2017 ocorrerá em Brasilia, uma plenária da FENASPS, entre os assuntos está a Greve Geral do dia 5/12, um dia antes da data programada da Reforma da Previdência!

Reaja!

Compareça as assembleias do seu Sindicato (veja telefones aqui) e participe!

No momento da publicação, os professores federais (FASUBRA) estão em Greve e ocupando o Ministério do Planejamento.

Confira aqui os deputados que você deve fazer pressão!

domingo, 26 de novembro de 2017

FENASPS, CFESS e COMISSÃO NACIONAL DE ASSISTENTES SOCIAIS DA FENASPS REALIZAM REUNIÃO CONJUNTA

Presentes:

FENASPS: Carlos Roberto dos Santos (DF) – Diretoria da FENASPS; Cleuza Faustino (MG) – Diretoria da FENASPS; Deise Lúcia do Nascimento (SP) - Diretoria da FENASPS; Ailton Marques de Vasconcelos (SP); Jorge Ricardo Moreira (RS) – Comissão Nacional de Assistentes Sociais da Fenasps.

CFESS: Conselheiras do Conselho Federal de Serviço Social e Assessoria Jurídica

A reunião foi realizada em 23/11/2017 durante a reunião do pleno do CFESS, decorrente do encaminhamento da última reunião realizada em 03/11 (VEJA AQUI)cuja pauta foi à discussão da construção de ações entre as entidades em defesa da política de Previdência Social pública e de qualidade, com destaque para as tentativas em curso de extinção o Serviço Social do INSS.

CLIQUE AQUI e confira na íntegra o Relatório da Reunião.

FONTE: FENASPS

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Caminhos líricos

No dia 22 de novembro publicaram-se portarias que nos levaram cinco colegas. Todos exonerados a pedido, no propagado Plano de Demissão Voluntária promovido pelo governo federal.

NOTA DE REPRESENTANTES DE SERVIDORES NAS COMISSÕES DE AVALIAÇÃO

Temos recebido reclamações sobre o SISGDASS, que está inconsistente desde ontem. 

Os colegas que não estiverem conseguindo entrar com recurso da avaliação no próprio sistema, estamos orientando a preparar o documento e enviá-lo via SIPPS e/ou encaminhar via e-mail para a SOGP da sua GEX.

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

INSS pede ao planejamento a nomeação de todos excedentes

Em nota técnica INSS pede ao planejamento a nomeação de todos excedentes do último concurso e outros milhares das diferentes carreiras, totalizando 16.548 vagas.

Veja ofício (aqui) recebido pelo Blog.

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

EMENDA AGLUTINATIVA À PEC 287/2016 REFORMA DA PREVIDÊNCIA

O QUE FOI SUPRIMIDO DA PEC?
O QUE FOI ALTERADO NA PEC?
O QUE PERMANECEU NA PEC?
Segue neste PDF RESUMO (baixe aqui!)

Segue neste PDF Texto Completo (baixe aqui!)


Você é o menu do jantar de Temer a deputados pela Reforma da Previdência

Recomendamos a leitura do Blog do Sakamoto, da matéria: Você é o menu do jantar de Temer a deputados pela Reforma da Previdência.

Ao lado segue charge com mesmo tema.

A mentira dos privilégios previdenciários

WhatsApp Image 2017 11 22 at 10.14.01BSPF     -     19/11/2017 
O governo mais fisiológico, mais elitista e mais envolvido nas práticas de corrupção dos últimos tempos, capitaneado por Temer, Meireles e Padilha, trama uma nova investida para aprovar a tal “Reforma da Previdência”. Trata-se, na forma apresentada originalmente e nas versões “enxutas” que se seguem, de mais uma iniciativa majoritariamente voltada para conter despesas públicas a partir da redução de direitos sociais. Nesse contexto, o mercado, sobretudo financeiro, festeja a possibilidade de engordar superávits e, assim, carrear mais recursos para o pagamento da perversa dívida pública.

100 nomeações

Longe de resolver o déficit de servidores, governo libera a conta gotas algumas nomeações! Leia aqui

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Melhor passar essa vergonha em casa

A Gestão tentou de última hora, abrir agenda e cassar o Dia da Consciência Negra (veja matéria e memorando); e indiscutivelmente além de ilegal, ficou bem feio! 


domingo, 19 de novembro de 2017

Sem o Robozinho do SABI

A nova versão do SABI, de hoje (20/11) não deve rodar o robozinho, que é uma mão na roda pra muitas APS.

Trabalhador intermitente, desempregado permanente

Compartilhamos a avaliação de Jorge Luiz Souto Maior, no seu blog.


AGU: Servidor aposentado não deve receber gratificação no mesmo patamar que ativo

Imagem: trt6.jus.br
Imagem: trt6.jus.br

A Advocacia-Geral da União (AGU) confirmou, no Juizado Especial Federal do Pará (JEF/PA), que aposentado não deve receber gratificação de desempenho no mesmo patamar que servidores ativos.

sábado, 18 de novembro de 2017

Cassaram o Dia da Consciência Negra

Mais um dia 20 de novembro está chegando e nos perguntamos, o que mudou de lá pra cá?!? Será que estamos enfrentando o preconceito racial como deveríamos?!? O racismo acabou?!? Tenho certeza que para a maioria dos negros, é inegável o fato de que avançamos a passos de tartaruga. Eu diria até que regredimos em vários aspectos, vide crescente onda de movimentos ultra conservadores de direita, racistas e segregacionistas ao redor do mundo.

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Síndrome de Burnout, o esgotamento insSano

O servidor Ary Peter, depois de ter observado o interesse pela sua tese de doutorado, manifestado pelos colegas, nos grupos do facebook destinado aos servidores do INSS, enviou um excelente relato, juntamente com a íntegra do trabalho, e baseada nele vou tentar resumir aqui a interessante trajetória percorrida.
Ary Luiz de Oliveira Peter Filho é servidor público e foi nomeado no INSS quase aos 40 anos de idade, o que fez com que chegasse ao instituto com aproximadamente 20 anos de iniciativa privada, em 10 empresas diferentes.

Resumo das Novidades e alterações pela MP 808 (Reforma Trabalhista)

Resumo das Novidades e alterações:

terça-feira, 14 de novembro de 2017

MP 808: a nova alteração da legislação após a Reforma Trabalhista

No diário oficial extra de hoje foi publicada a medida provisória 808 de 2017 que apresenta alterações na CLT, visando corrigir alguns pontos da reforma trabalhista vigente desde de 11 de novembro de 2017.

Dispõe que a alterações feitas pela última reforma trabalhista são válidas inclusive aos contratos vigentes, o que fere claramente ato jurídico perfeito previsto constituição federal.

Na área atinente a previdência a Medida Provisoria 808 de 2017 trouxe o artigo 911 A , que prevê a exclusão do cômputo de carência e aquisição de qualidade de segurado para empregado que possuir remuneração mensal menor que salário mínimo vigente (exceto se houver complementação).

NÃO EXISTE DÉFICIT DA PREVIDÊNCIA - O MODELO PROTETIVO BRASILEIRO É SUPERAVITÁRIO!



O professor em direito previdenciário *Fábio Zambitte Ibrahim, publicou artigo sobre a Reforma da Previdência na coluna/Previdencialhas em sua análise diz: “A crítica, novamente, é verdadeira. Nota-se, pelo próprio discurso governamental, que a reforma atua quase que exclusivamente voltada a objetivos macroeconômicos, sem observar a realidade da clientela protegida. A proposta vigente possui vários exemplos nesse sentido, como o aumento desproporcional do tempo mínimo de contribuição para fins de aposentadoria, o que inviabilizaria a prestação para boa parte da clientela protegida. Essa forma de "utilitarismo previdenciário" não pode ser tolerada.”...Leia mais abaixo....

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

NOTA DE PESAR



É com profunda tristeza que recebemos a notícia do falecimento da companheira Maria do Socorro Rodrigues dos Santos, nascida em 04/06/1955 Assistente Social, graduada em 1978 na UERN, recentemente aposentada do INSS de Mossoró-RN.


A companheira Socorro Rodrigues registrou sua trajetória profissional pela defesa intransigente dos direitos sociais e pela busca de uma sociedade mais justa e igualitária, deixando a nós um legado de força, lutas e resistências em torno da construção de um Serviço Social previdenciário voltado para a ampliação da cidadania e da defesa uma política pública e solidária de Previdência Social.

Plano de Ação do INSS 2018

RESOLUÇÃO Nº 616, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2017
Dispõe sobre as diretrizes para elaboração do Plano de Ação do INSS referente ao exercício de 2018.

Matéria do Fantástico (12/11/17) sobre Fraudes no INSS


ACP da DPU em Palmas pede que INSS respeite prazo para concessão de benefícios

Brasília – A Defensoria Pública da União (DPU) em Palmas, no Tocantins, propôs ação civil pública (ACP) contra o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) solicitando, liminarmente, que a autarquia respeite o prazo legal de 45 dias para o início do pagamento de benefícios previdenciários e assistências por incapacidade. Atrasos na realização das perícias médicas têm elevado esse prazo para quase duzentos dias, em alguns casos.

sábado, 11 de novembro de 2017

INSS é condenado a disponibilizar exames complementares necessários em benefícios previdenciários e assistenciais

Decisão do TRF4, com amplitude nacional, decorre de ação civil pública ajuizada pelo MPF/SC
INSS é condenado a disponibilizar exames complementares necessários em benefícios previdenciários e assistenciais
Foto: Getty Images (Demaerre)
Acolhendo parecer do Ministério Público Federal (MPF), o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) condenou o INSS a disponibilizar, gratuita e integralmente, os exames complementares e os pareceres especializados solicitados por peritos médicos da Previdência Social com vistas à concessão de benefícios previdenciários ou assistenciais. A decisão da 6ª Turma, unânime, vale nacionalmente e tem eficácia imediata, embora ainda caiba recurso.
Com a decisão da Corte, os segurados da Previdência Social não precisam mais custear os exames e/ou pareceres para concessão inicial, renovação ou restabelecimento de benefícios nem realizá-los em instituições vinculadas ao Sistema Único de Saúde (SUS). Os efeitos são positivos para o cidadão. Conforme destacou em parecer enviado ao TRF4 a procuradora regional da República Carmem Elisa Hessel, o INSS vinha se eximindo de seu dever legal de oferecer acesso integral e gratuito às medidas necessárias à formação da conclusão técnica do perito, onerando o cidadão, que empregava sua renda em consultas médicas particulares ou perdia os prazos fixados pelos peritos por conta do largo tempo de espera no SUS.

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Uol: Com a benção de Temer, Congresso Nacional está nos devolvendo ao século 19

Logo após os atuais deputados federais e senadores assumirem seus cargos, publiquei uma lista de dez coisas que essa legislatura – que já despontava como um vetor de retrocessos sociais históricos – poderia fazer em quatro anos para nos devolver ao Brasil Império. A relação era propositadamente exagerada. Pelo menos, foi o que pensei:

10Nov Dia de Lutas

Envie seu registro pela pagina (https://www.fb.com/NosDoINSS/) no link Mensagem ou pelo e-mail nosdoinss@gmail.com

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Estadão: Aumento da contribuição previdênciária terá ‘efeito cascata’

Alíquota para o funcionalismo federal deve subir de 11% para 14%, obrigando Estados e municípios a aumentarem também suas taxas

FENASPS REALIZA REUNIÃO NO INSS PARA TRATAR SOBRE A PAUTA DO SERVIÇO SOCIAL E A SUSPENSÃO DO IMAGDASS

Membros da Diretoria Colegiada da Fenasps e da sua Comissão Nacional de Assistentes Sociais (CNASF) realizaram uma reunião na presidência do INSS nessa terça-feira, 7 de novembro. O CFESS também participou da audiência, que foi realizada para continuar os debates realizados na última reunião, em 19 de outubro.

UOL: Proposta enxuta de reforma da Previdência mantém idade mínima e equipara servidor com trabalhador privado

     A nova proposta de reforma da Previdência vai manter a idade mínima, regra de transição até 2037 e equiparação entre o regime dos servidores e o regime geral da Previdência, e irá retirar a incidência da Desvinculação das Receitas da União (DRU) das receitas previdenciárias, disse nesta quinta-feira o relator da reforma, deputado Arthur de Oliveira Maia (PPS-BA). 
    Em reunião esta manhã na residência oficial da Presidência da Câmara, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reuniu o presidente da República, Michel Temer, ministros do governo e os líderes da base aliada para apresentar uma propostas básica de redução da reforma, definida parcialmente em duas reuniões no Planalto na quarta-feira.    

Tiros na APS Acopiara/CE

Foi nesta Madrugada! Houve 8 tiros APS e 7 na casa do servidor. Ainda não se sabe o motivo do ataque. As câmeras foram de valia. Testemunha relata ter visto 2 jovens em uma moto.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Por que parar na Greve Geral de 10 de novembro?


1

O governo tem se esforçado para destruir o direito constitucional da sociedade de acesso à Justiça. Na Justiça Trabalhista, a reforma que dificulta que trabalhadores entrem com ações; na Eleitoral, juízes que agem como líderes partidários baixam normas que fecham postos de atendimento a milhares de cidadãos. Em todo o Judiciário e Ministério Público da União (MPU), cortes orçamentários, falta de contratações e desestímulo aos servidores.

Na Educação Pública, o objetivo é matar de inanição as universidades, institutos federais, escolas, tudo o que possa gerar reflexão, transformação social e emancipação humana, com cortes orçamentários, perseguições, proibição da autonomia e livre manifestação do pensamento.

Na Saúde, as medidas constituem um verdadeiro genocídio. A Emenda Constitucional n° 95 (ex-PEC 55) aprovada por Temer, com apoio da maior parte da bancada dos deputados e senadores corruptos, congelou o investimento em setores prioritários para a sociedade por 20 anos! Além disso, os corruptos atuaram para aprovar a Reforma Trabalhista e a terceirização, e estão prontos para seguir as ordens do líder do "quadrilhão" e votar a reforma que acaba com o direito do trabalhador de se aposentar. Não por acaso, quase todos votaram contra as denúncias que podiam afastar o golpista Temer do poder e liberaram o retorno de Aécio Neves (o que diz que é preciso matar antes que se possa delatar) ao Senado.

Para o serviço público em seu conjunto, a ordem é privatizar o que puder e destruir o que ficar. Para os servidores, congelamento de salários, descumprimento de acordos e aumento da contribuição previdenciária, imediatamente, mesmo sem Reforma.

Diante desse quadro de completa degeneração do cenário político dominante, em que trabalhadores têm seus direitos trucidados, resta apenas o caminho da luta. Como em abril, vamos parar tudo e impedir que esses bandidos avancem sobre nossas conquistas, que são fruto de muita luta! Naquele mês, a greve geral foi importante para reverter o quadro de apoio quase total do Congresso Nacional à Reforma da Previdência.

Vamos voltar a dar nosso recado, e dessa vez mais forte. Neste dia 10, participemos da greve. Chamemos amigos, familiares, TODOS, enfim, para aderir a essa resistência urgente e necessária. Façamos como os metalúrgicos, que apontaram parar nesse dia, o que vem sendo confirmado por outros setores da sociedade.

Acompanhe os informes de sua entidade representativa e chame parentes, amigos, vizinhos, todos a lutar contra a destruição de nossos direitos.

Fenasps realizará atos em Brasília nesta sexta, 10
Na capital federal, a Fenasps, junto das entidades do Fórum de Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (FONASEFE), vai realizar dois atos nesta sexta-feira, 10. Pela manhã, as atividades serão concentradas no Espaço do Servidor (entre os ministérios do Planejamento e da Agricultura, blocos C e D, respectivamente), às 10h.

Jà à tarde, o ato será na plataforma superior da Rodoviária do Plano Piloto, às 16h.

1

10 DE NOVEMBRO: TODOS NAS RUAS PARA PÔR PARA FORA ESSE GOVERNO, SEUS CÚMPLICES E SUAS REFORMAS!

Fonte: FENASPS

UOL: Planalto vai reestruturar administração federal com cortes nas áreas de recursos humanos

POR PAINEL
Mãos de tesoura O Planalto vai reestruturar a burocracia da administração federal cortando e realocando servidores que atuam na área de recursos humanos. Levantamento feito pela Casa Civil e pelo Ministério do Planejamento aponta que cerca de 10% do funcionalismo trabalha em RHs –50 mil dos 600 mil empregados. A ideia é unificar a gestão de pessoal, centralizando-a no Planejamento. Para reduzir os cortes, o governo vai estimular quem já preenche os requisitos a se aposentar.

Atendimento prioritário a OAB - Legal e Imoral



domingo, 5 de novembro de 2017

ATENÇÃO PESSOAS IDOSAS E PESSOAS COM DEFICIÊNCIA - FAÇA OU ATUALIZE SEU CADASTRO ÚNICO PARA MANTER SEU BENEFÍCIO BPC/LOAS!


Com a publicação do Decreto n° 8.805/2016, tornou-se obrigatória a inclusão das famílias no Cadastro Único para o requerimento do Benefício de Prestação Continuada – BPC no INSS e, também, sua manutenção pelos beneficiários.

É importante destacar que se as PESSOAS IDOSAS beneficiárias do BPC não estiverem inscritas no Cadastro Único até 31 de dezembro de 2017, e as PESSOAS COM DEFICIÊNCIA não realizarem o cadastramento até 31 de dezembro de 2018 poderão ter seu benefício suspenso.

Procurem o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua residência, o órgão da Assistência Social do seu município ou o posto de cadastro do CadÚnico. 

Vamos contribuir com a divulgação dessa informação nas Agências de Previdência Social de todo o país, não só para evitar a suspensão desses BPC, mas a possível demanda por atendimentos desses beneficiários no INSS não só pela suspensão, mas reativação do benefício após inclusão ou atualização do seu CadÚnico.

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

COMISSÃO NACIONAL DE ASSISTENTES SOCIAIS DA FENASPS PARTICIPA DE REUNIÃO COM O CFESS E FENASPS



COMISSÃO NACIONAL DE ASSISTENTES SOCIAIS DA FENASPS/CNASF  PARTICIPA DE REUNIÃO COM O CFESS E FENASPS




CNASF: Valéria Lopes de Sá (DF) e Viviane Aparecida Peres (PR)- Assistentes Sociais


Conselho Federal de Serviço Social: Presidente e Conselheiras do CFESS e  assessoria jurídica.

FENASPS: Lídia de Jesus (BA) - Diretora

A reunião foi realizada em 19/10/2017 durante a reunião do pleno do CFESS, iniciada às 14h30 e finalizada as 16h, cuja pauta foi a discussão de um plano de ação conjunto das entidades em defesa da política de Previdência Social pública e de qualidade, com destaque para o Serviço Social do INSS.


quarta-feira, 1 de novembro de 2017

10 de novembro é Dia Nacional de Luta: todos na luta contra os ataques do governo ilegítimo!

1

Servidores da União vão à Justiça contra os 14%

Na prática, haverá ampliação da alíquota: servidor ativo ou aposentado será taxado em 11% sobre R$ 5.531,31 e em 14% no valor que exceder esse patamar

Oportunidade de apontar todas as dificuldades (até 03/11)

O ciclo de avaliação está na fase da “Autoavaliação”, “Avaliação da Chefia Imediata” e “Avaliação de Unidades”

Nesta fase temos a oportunidade de apontar todas as dificuldades que encontramos para cumprir nossas metas em tempo hábil: desde problemas nos sistemas, passando por falta de capacitação até problemas de comunicação com a chefia. 
Isso é importante, por que é uma forma de sinalizar situações que impactam na nossa produtividade mas que dependem do INSS. 

É importante também que façamos um paralelo entre o nosso acervo, e o impacto dele na atuação do gestor que muitas vezes em situação de extrema pressão, não tem condições de manter a harmonia no ambiente de trabalho.

Ao contrário da “avaliação dos servidores” que ocorre em outra fase, essa avaliações não refletem na gratificação, mas registram os empecilhos do trabalho diário.

O prazo é até dia 03/11, sexta-feira.
Tire um tempinho pra dar essa contribuição entrando no SISGDASS e apontando os pontos fortes e fracos da sua unidade.
Fonte: Grupos do Face

Nomeados 100 Servidores - Veja os nomes e locais

Veja os nomes na Imprensa Nacional e confira Nome, gerência e local na página 76 e página 77